Brasil supera EUA e conquista a medalha de ouro no basquete feminino do Pan

11.08.2019   |   Seleção Feminina Adulta
Compartilhe Facebook Twitter

Foto: Alexandre Loureiro/COB

A Seleção Brasileira Feminina garantiu a conquista da medalha de ouro dos Jogos Pan-Americanos 2019 ao derrotar os Estados Unidos, neste sábado (10 de agosto), por 79 a 73 (39 a 38 no primeiro tempo), na grande final realizada no Coliseo Eduardo Dibós, em Lima, no Peru.

A equipe norte-americana foi ligeiramente melhor no quarto inicial, mas a partir do segundo, o selecionado nacional, comandado por um inspirado José Neto, passou a controlar as ações e esteve sempre na frente buscando desgarrar, o que aconteceu no período final – 20 a 22 (primeiro quarto), 19 a 16 (segundo quarto), 16 a 15 (terceiro quarto) e 24 a 20 (quarto final). O técnico brasileiro foi muito feliz nas alterações feitas ao longo da partida, conseguindo extrair o melhor de cada jogadora em quadra.

A armadora Tainá Paixão, o grande nome desta partida decisiva, comemorou bastante o resultado. “Estamos iniciando um novo ciclo muito bem, conquistando uma medalha de ouro nos Jogos Pan-Americanos, coisa que não acontecia desde 1991. Hoje tive a oportunidade de me destacar, mas temos um grupo homogêneo, em que todas as atletas dão a sua parcela de contribuição; nesta final eu me destaquei mais, contudo, nos jogos anteriores outras jogadoras se destacaram e assim se forma um grupo coeso”, comentou a cestinha da partida, com 24 pontos marcados.

“Esta é uma conquista para todo o basquete feminino, mas as meninas estão de parabéns, assim como a comissão técnica. Tenho certeza que é apenas o começo de uma nova era, pois estamos preparadas para tudo”, complementou a experiente pivô Erika de Souza.

Jogaram pela Seleção Brasileira: 03. Isabela RAMONA Lyra Macedo (02 pontos e 02 assistências); 05. Raphaella MONTEIRO da Silva (12 pontos, 03 rebotes, 02 assistências e 02 bolas recuperadas); 07. Patrícia Teixeira Ribeiro, a PATTY (10 pontos, 02 assistências, 04 bolas recuperadas e 01 bloqueio); 08. Tainá Mayara da PAIXÃO (24 pontos, 07 rebotes, 03 assistências, 01 bola recuperada e 01 bloqueio); 09. LAYS da Silva (03 pontos e 03 rebotes); 10. Tatiane Pacheco Nascimento, a TATI (04 pontos, 02 rebotes e 01 assistência); 11. Clarissa Cristina DOS SANTOS (12 pontos, 03 rebotes, 01 assistência e 01 bola recuperada); 12. Aline Cristina Cezário de MOURA; 14. Érika Cristina DE SOUZA (04 pontos, 05 rebotes, 01 assistência e 04 bloqueios); 18. DÉBORA Fernandes da Costa (08 pontos, 03 rebotes, 01 assistência e 01 bola recuperada); 24. Stephanie Carmen SOARES; e 77. Izabella Frederico SANGALLI.

“Quero cumprimentar todas as jogadoras, a comissão técnica e a gerente de selecionados femininos, Adriana Santos, pelo início positivo deste novo ciclo no basquete feminino brasileiro. Tenho certeza que coisas ainda maiores ainda estão por vir, por isso é seguir trabalhando sempre pelo melhor”, comentou Guy Peixoto Jr, presidente da Confederação Brasileira de Basketball (CBB).

Na fase inicial, o Brasil derrotou o Canadá (79 a 71), Porto Rico (64 a 58) e Paraguai (81 a 37). Em seguida, na semifinal, novo êxito, agora contra a Colômbia (62 a 48).
 

 

 

Ligas chanceladas
lnb lbf
Os Wodens!
Topo