Notícias

23/08/2014
BRASIL VENCE IRÃ POR 92 x 52 E É VICE-CAMPEÃO NO TORNEIO DA ESLOVÊNIA

Foto: Divulgação/CBB
img
O Brasil encerrou sua participação no Torneio da Eslovênia com duas vitórias e uma derrota
Ljubljana, Eslovênia– Com 24 pontos e três rebotes do cestinha Marquinhos Souza e 40 pontos de vantagem, o Brasil venceu o Irã por 92 a 52 (48 a 24 no primeiro tempo), pela última rodada do Torneio Internacional da Eslovênia, na Arena Stozice, em Ljubljana. Na outra partida deste sábado (dia 23), a Eslovênia superou a Lituânia por 74 a 72. Com esses resultados, Lituânia, Brasil e Eslovênia terminaram empatados com cinco pontos (duas vitórias e uma derrota). No primeiro critério de desempate, os lituanos ficaram com saldo de cestas de um ponto igual aos brasileiros, enquanto os eslovacos tiveram saldo de menos dois pontos. A Lituânia ficou com o título porque superou o Brasil por 64 a 61 na primeira rodada.

"Fico feliz por ter jogado bem. As bolas tinham que começar a cair e justamente hoje fiz uma boa partida. Ajudei a equipe a conseguir um bom resultado e isso é o mais importante", afirmou Marquinhos. "O time já mostra que está mais solto. Ainda temos mais uma semana para acertar os últimos detalhes e fazer uma boa estreia contra a França", completou o ala, que assinalou 24 pontos (4/6 de três pontos, 5/6 de dois pontos e 2/4 lances livres), e recebeu da organização o prêmio de melhor jogador da partida (MVP)

Para o técnico Rubén Magnano, o importante foi o comportamento da Seleção durante toda a partida.

"A equipe realizou um bom trabalho, respeitou o adversário e jogou com muita seriedade. Fez um jogo 100% focado na preparação. O Irã é um adversário que teremos na primeira fase dee grupo em Granada e por isso gostei muito do nosso desempenho. Aos poucos, conforme o planejado, a equipe vai se soltando até a estreia contra a França. Ainda temos um jogo amistoso em Granada para fazer novos testes", analisou Magnano.

Outros destaques na vitória brasileira foram Tiago Splitter (13 pontos e oito rebotes), Marcelinho Machado (12 pontos, duas assistências e um rebote), Nenê Hilário (dez pontos, seis rebotes e três assistências) e Raulzinho Neto (dez pontos e três assistências). O principal pontuador iraniano foi B. Yakhchalidehkordi, com 11 pontos.

O ala-pivô Guilherme Giovannoni, que ficou fora de todos os jogos de preparação por causa de um entorse no tornozelo, retornou à equipe e não escondeu sua alegria no vestiário do Brasil.

"Nossa, enfim joguei. Isso é uma satisfação muito grande. Me senti muito bem, não senti nada e agora só falta ritmo de jogo. Estava dentro do planejamento inicial dos jogadores sentirem nos primeiros amistosos e já deu para perceber a equipe mais solta. Agora teremos mais uma semana de preparação, mais um jogo amistoso e vamos chegar bem na estreia contra a França", afirmou Giovannoni.

BRASIL (25 + 23 + 22 + 22 = 92)

Marcelo Huertas (2pts, 4 assistências e 1 rebote), Alex Garcia (3pts, 4assist. e 1reb.), Marquinhos Souza (24pts e 3reb.), Rafael Hettsheimeir (6pts 6reb. e 1assist.) e Tiago Splitter (13pts e 8reb.). Entraram: Nenê Hilário (10pts, 6reb. e 3assist.), Guilherme Giovanoni (3pts, 4assist. e 1reb.), Larry Taylor (5pts, 4reb. e 3assist.), Marcelinho Machado (12pts, 2assist. e 1reb.), Raulzinho Neto (10pts e 3assist.) e Anderson Varejão (4pts e 1reb.). Técnico: Rubén Magnano.

IRÃ (12 + 12 + 16 + 12 = 52)

Seleção Brasileira

Número – Nome – Posição – Idade – Altura – Clube – UF
4- Marcelo Magalhães Machado – Ala – 39 anos – 2,00m – Flamengo (RJ) – RJ
5- Raul Togni Neto – Armador – 22 anos – 1,84m – UCAM Murcia (Espanha) – MG
6- Rafael Hettsheimeir – Pivô – 28 anos – 2,08m – Bauru Basquete (SP) – SP
7- Larry James Taylor Júnior – Armador – 33 anos – 1,85m – Bauru Basquete (SP) – EUA
8- Alex Ribeiro Garcia – Ala – 34 anos – 1,91m – Bauru Basquete (SP) – SP
9- Marcelo Tiepo Huertas – Armador – 31 anos – 1,91m – FC Barcelona (Espanha) – SP
10- Leandro Mateus Barbosa – Ala – 31 anos – 1,92m – Phoenix Suns (EUA) – SP
11- Anderson França Varejão – Ala/Pivô – 31 anos – 2,11m – Cleveland Cavaliers (EUA) – ES
12- Guilherme Giovannoni – Ala/Pivô – 34 anos – 2,04m – Brasília (DF) – SP
13- Maybyner Rodney Hilário (Nenê) – Pivô – 31 anos – 2,11m – Washington Wizards (EUA) – SP
14- Marcus Vinicius Vieira de Souza – Ala – 29 anos – 2,07m – Flamengo (RJ) – RJ
15- Tiago Splitter – Pivô – 29 anos – 2,11m – San Antonio Spurs (EUA) – SC
Média de idade: 31 anos
Média de altura: 2,01m

Comissão Técnica

Administrador: Vinicius Alvarez
Técnico: Rubén Magnano
Assistentes técnicos: José Alves Neto e Gustavo De Conti
Preparador físico: Diego Miceli Jeleilate
Médico: Dr. Felipe Hardt
Fisioterapeutas: Adriano Tambosi, Vinicius Castro e Daniel Kan
Roupeiro: Edson Donizete da Silva

Programação

– 21 a 23 de agosto – Torneio Internacional na Eslovênia

1ª rodada – Quinta-feira (Dia 21)
Brasil 61 x 64 Lituânia (SPORTV / Ao vivo) e Eslovênia 77 x 69 Irã

2ª rodada – Sexta-feira (Dia 22)
Irã 67 x 80 Lituânia e Brasil 88 x 84 Eslovênia (SPORTV / Ao vivo)

3ª rodada – Sábado (Dia 23)
Irã 52 x 92 Brasil (SPORTV – Ao vivo) e Eslovênia 72 x 70 Lituânia

Classificação final

1º- Lituânia – 5pontos (duas vitórias e uma derrota e saldo de cesta de 1 ponto)
2º- Brasil – 5pontos (duas vitórias e uma derrota e saldo de cesta de 1 ponto)
3º- Eslovênia – 5pontos (duas vitórias e uma derrota e saldo de cesta de -2 pontos)
4º- Irã – 3pts (três derrotas)

– Dia 24/08 – viagem para Granada (Espanha)
26/8 – Amistoso contra o México

– 30 de agosto a 14 de setembro – Copa do Mundo da Espanha
1ª Fase – Grupo “A” (Sede: Granada)
30 de agosto – Brasil x França (13h de Brasília)
31 de agosto – Brasil x Irã (13h)
1º de setembro – Brasil x Espanha (17h)
3 de setembro – Brasil x Sérvia (13h)
4 de setembro – Brasil x Egito (10h30)
OBS: Horário de Brasília.