Notícias

24/02/2017
REUNIÃO TÉCNICA DA FEDERAÇÃO SC APONTA NOVIDADES PARA 2017

Foto: Divulgação / FCB
img
A principal alteração proposta pela FCB em 2017 diz respeito à aproximação das equipes adultas com as categorias Sub-17 ou Sub-19.
Florianópolis, SC – Dirigentes da Federação Catarinense de Basketball (FCB) e cerca de representantes de 30 clubes filiados estiveram reunidos, nesta quarta-feira (dia 22), em Florianópolis, para a primeira Reunião Técnica de 2017. Na pauta, as competições das categorias de base, adulto e a retrospectiva de 2016.

O Coordenador Técnico, Luiz Gastão Dubois, destacou os números gerais dos campeonatos de todas as categorias e as proposições de mudanças no Regulamento Geral das competições e fez um levantamento das inscrições para os campeonatos de 2017.

Em seguida o Coordenador de Planejamento, Jairo Anello, apresentou os números do Projeto Basquete para o Amanhã – Trimania / FCB, lançado em abril de 2016. "Foram 92 equipes, 578 jogos, 1.840 atletas, 25 cidades e 36 clubes na iniciativa que abrangeu as categorias Sub 12 e Sub 13", explicou o dirigente.

Em 2017, o projeto irá abranger o Sub-15 com subsídio da entidade para equipes e treinadores. Estes terão que comandar os times Sub-13 também, viajando juntos. As competições para essas duas categorias começam no dia 17 de março.

Novidades no Adulto

A principal alteração proposta pela FCB em 2017 diz respeito à aproximação das equipes adultas com as categorias Sub-17 ou Sub-19.

"No ano passado, cerca de 15 times participaram do Sub-17, enquanto somente seis jogaram o Sub-19. Dessa forma, quem tiver o adulto precisará desenvolver times com tais idades a fim de estimular a continuidade dos atletas de base. Além disso, cada equipe adulta terá que contar com dois ou três jogadores da base no seu elenco como forma de aprendizado e revelação de talentos", explicou Oscar Archer, presidente da Federação Catarinense.

Outra novidade diz respeito aos possíveis novos participantes nas competições adultas, em virtude dos interesses de Criciúma, Jaraguá do Sul e Araquari.

"Com o incremento no número de equipes, devemos estudar a melhor forma para tornar o Campeonato Estadual mais atrativo. A definição, no entanto, sai no final do próximo mês", comemorou o dirigente.

Como nos anos anteriores, a Federação irá subsidiar as despesas com viagens, taxas de arbitragem, alimentação, entre outras.